15 novembro 2008

Um dos meus ídolos : Julian Bream

Se eu chegar aos 75 anos que o Julian Bream tem, gostaria de ser ainda capaz de tocar este estudo de Sor. Se o conseguir com a serenidade e o rigor com que ele o toca, terá valido a pena lá chegar...

15 comentários:

António P. disse...

Boa noite Al-kantara,~
Chegarás aos 75 ou mais. A tocar tão bem como o Bream já não sei. Mas ainda tens muito anos pela frente para praticares.
Porta-te mal e um abraço

João Menéres disse...

É um sonho realizável.
O Manoel de Oliveira vai fazer 100 e está ali para as curvas...

Ery Roberto Corrêa disse...

Não conheço como você toca, mas uma coisa lhe digo: Al-kantara, por aqui temos um anexim que diz, "Nunca é tarde para aquilo que se quer".

Vá fundo!

Ery roberto
www.infinitopositivo.blogger.com.br

expressodalinha disse...

O teu ídolo não é o homem. É o sonho que ele encarna.

astracan disse...

Não quero fazer das palavras do expresso minhas porque, de facto, não o são... são dele.
Excelente navalhada expresso!
Quanto ao sonho que ele encarna, Al, já o vives. E vê lá é se chegas aos 115! Abraço

Isabel Magalhães disse...

Boa escolha.

Espero que concretize esse sonho e que o viva intensamente.

Abraço

I.

Georgia disse...

Nao sei como vc toca, mas que ele toca muito isso toca.

Só- Poesias e outros itens disse...

Al-Kantara, que delicioso momento deste Tertúlia,ao nos proporcionar o conhecimento de ídolos valiosos,
eu adorei conhecer Julian Bream, e a sensibilidade de sua música.

bjs.

Ju Gioli

Jorge C. Reis disse...

Dedilhar assim não é fácil, sobretudo quando a rigidez das articulações começa a tolhar-nos os movimentos dos dedos.
Eu também gostaria de tocar assim.
Um abraço
Jorge

Milouska disse...

Imagens de vitalidade que invejam.
Oxalá consiga realizar esse sonho.
Um abraço e bom domingo,

Milouska

Claire disse...

LINDO.
Mas o meu é maior que o teu :-(O)

Francisco Castelo Branco disse...

viva al

gostei do video

so uma pergunta:

e essa senhora ai no post debaixo, nao sera ela uma heroina dos alunos portugueses?

peri s.c. disse...

Maravilha! E de chapéu !
"Ídolos" mesmo, são os que resistem ao tempo.

Ruvasa disse...

Viva, Al!

Até eu o poderia fazer meu...

Abraço

Ruben

Eduardo P.L disse...

Muito boa escolha!
Parabéns e obrigado pela sua participação!

Forte abraço