03 setembro 2009

Aqui d'el rei, a Prisa despediu a mulher do ex-director...

Devo dizer que não gosto do estilo jornalístico da Manuela Moura Guedes. Era, até há bem pouco tempo, um bocadinho "digo tudo, com'ós malucos porque tenho as costas quentes e o meu marido é o director desta merda de canal". Duvido que este estilo tenha lugar num canal "mainstream" da televisão portuguesa.
De qualquer forma, não é por isso que não me surpreendo com a decisão da Prisa em mandar a manelita para casa. Só por manifesta tótózice ou má-fé poderemos separar esta decisão da posição cerradamente anti-Sócrates que o Jornal de Sexta da TVI adoptava de uma forma sistemática.
Pela blogosfera da direita sobram as indignações e os clamores por democracia. Aqui d'el-rei que a liberdade de imprensa está a ser atacada. Esta mesma direita que acha que quando as coisas estão entregues aos privados, estão sempre muito bem entregues. Pois, meus filhos, a TVI é privada, o dinheiro é deles e se eles querem apostar no suave aroma da doce continuidade, têm que ter paciência. Ou então, comprem uma televisão se acham que o Balsemão não vos faz os fretes suficientes...

6 comentários:

expressodalinha disse...

Fazia falta... Um estilo inconfundível. Parvas destas já não se fabricam. Só com botox!

Al Kantara disse...

E super-cola 3...

Francisco Castelo Branco disse...

estiveram eles à espera que Moniz saisse da TVI?

Maldonado disse...

Bem visto! :)

Zaira disse...

E o melhor foi ouvir que o governo devia exigir que o jornal continuasse com a dita... Das bocas de quem quer saude, educação, pensões e até prisões privadas.

FacAfiada disse...

Estranho a senhora não conhecer os frutos da arvore que plantou!