08 outubro 2008

A Teresa Caeiro, afinal, é comunista...


"Custa acreditar que os supervisores não intervenham quando instituições financeiras vendem sete e oito vezes um ‘produto’ que nem sequer existe. Ou quando prémios de gestão milionários são atribuídos independentemente dos maus resultados dessa gestão. " Teresa Caeiro, do CDS, a exigir que o estado se imiscua na remuneração dos quadros das empresas privadas ? Oh Teresinha, a menina tem estado no partido certo ou acordou hoje a apetecer-lhe ser comunista ?...

3 comentários:

expressodalinha disse...

Vais ver muita gente a mudar. A crise só agora começou. Daqui a 1 mês já nem se percebe a diferença entre a BE e o CDS.

Anónimo disse...

Mal empregada naquela bancada bafienta.. Eu simpatizo com a Teresinha,

Tania

Al Kantara disse...

Pois claro que simpatiza, Tania. Afinal de contas a rapariga é uma sinistra e bem disfarçada agente do PCP infiltrada na bancada democrata-cristã-conservadora-liberal que é aquele clube de simpáticos que gostavam de jogar bem golfe mas como não têm jeito, se dedicaram à política...