18 julho 2008

O major silencioso

O inefável major que durante todo o julgamento do processo Apito Dourado se remeteu a um silêncio ensurdecedor, quebrou-o assim que foi condenado a prisão com pena suspensa com pena acessória de perda do mandato de presidente da câmara de Gondomar, pelo crime de prevaricação. Vociferava o senhor major a sua expressão preferida "É mentira !!!" e, entre outros dislates dizia que"o senhor juiz vai ter que provar noutras instâncias". Talvez o filho do senhor major, que tem o curso de Direito, apesar de não ter exercido nos ultimos anos por estar ocupado a arruinar o Boavista, lhe possa explicar que o senhor juiz não vai ter de provar coisíssima nenhuma. Os advogados do senhor major é que vão ter de recorrer de forma a prolongar esta agonia e adiar o trânsito em julgado da sentença de primeira instância. Conhecendo como conhecemos a forma de actuar destes cavalheiros, o caso chegará ao Constitucional e daqui por mais dez anos saberemos se o senhor major perde ou não o mandato de presidente da câmara...

3 comentários:

Eduardo P.L. disse...

Obrigado pelo link do VARAL. Estou linkando o PONTA e MOLA!

Abçs

Al Kantara disse...

Caro Eduardo, só uma inércia preguiçosa e indesculpável justifica o atraso com que coloquei o Varal aqui na lista, pelo que o ponta e mola bem mereceu a quarentena justa que agora acaba. Um abraço.

Candimba disse...

este senhor valentim da me vomitos!