05 março 2009

O complexo "Portenho" ...

Luís Vaz Teixeira, advogado de defesa dos acusados de homicídio no caso "Noite Branca", criticou a criação da equipa especial liderada pela equipa da procuradora Helena Fazenda e declarou que «quando se fala na violência na noite do Porto, estamos a falar em 3 ou 4 homicídios no espaço de um ano. É muito, é verdade, mas não é mais do que em Lisboa».

Oh doutor, e o que é que isso tem a ver com o caso ? Parem lá de se comparar por tudo e por nada com Lisboa. Sejam menos provincianos e complexados que nós não temos nada contra as pessoas do Porto só porque trocam os vês pelos bês e são absolutamente ceguinhos quando se trata de discutir penaltis contra o FCP ou a honra impoluta desse modelo de virtudes que é Pinto da Costa !...

2 comentários:

Anónimo disse...

E quem fala assim não é gago. Apoiado!

expressodalinha disse...

Infelizmente, gostando muito do Porto e das pessoas, tenho de reconhecer que não passa de um bairro. Bairro grande, mas bairro. A mentalidade é essa mesmo das pessoas mais evoluídas e nem se apercebem.