29 maio 2010

Entrada de leão...

Aqui o senhor David Laws, recentemente nomeado ministro das finanças do governo conservador do Reino Unido, veio para cortar a despesa e acabar com o desperdício dos trabalhistas derrotados. Hurrah, gritaram em uníssono os lordes ingleses, aborrecidos com o estado da economia que não os deixa ir caçar raposas descansados.
Ora, poucos dias depois da entrada triunfante, veio a saber-se que o senhor Laws recebeu do Parlamento durante anos, uma verba ilícita que alegadamente pagava uma renda a um senhorio que o albergava em sua casa. Acontece que o tal senhorio era apenas o homem com quem vive há largos anos e, evidentemente, tudo não passava de uma vigarice pegada que custou ao erário de sua magestade uns largos milhares de libras.
Mais surreal do que a situação (um ministro vigarista que vem para meter as finanças em ordem...) é a justificação catita que o senhor Laws tem para o ocorrido : ele metia essa despesa mas nem era pelo dinheiro . O que ele não queria era que alguém suspeitasse que vivia em mancebia homossexual (e agora tenho de deixar de escrever porque já me dói a barriga de tanto rir...)
PS - Parece que já se demitiu. Vamos ver quem é a próxima estrela neste casamento delicioso entre tories e libdem...

2 comentários:

expressodalinha disse...

Parece-me tudo perfeitamente normal...

MFerrer disse...

A explicação é como a emenda..., pior do que o soneto!
LOLOLOLOLOL

Olha se fosse alguém que pudesse ser acusado de homofóbico...